Desafio Funchal 2009, no regresso da Aventura ao Funchal!

Realizou-se no passado fim-de-semana, 20 e 21 de Junho, o Desafio Funchal 2009, com organização do Clube Aventura da Madeira e a colaboração da Fundação INATEL, Federação Portuguesa de Orientação, Associação da Madeira de Desporto Para Todos e Câmara Municipal do Funchal/Parque Ecológico. Dezasseis equipas aceitaram o desafio e participaram nas quatro etapas que constituíram a prova, percorrendo diversos locais do Funchal, desde a área urbana às serras do Monte.

A aventura começou com uma prova de multi-actividades de Orientação na Cidade do Funchal, no Sábado ao fim da tarde, prolongando-se pela noite em uma hora e meia de actividade. Com mapa de Orientação, Road-book, seguir pistas, labirintos ou enigmas, as equipas deviam localizar os 27 postos de controlo possíveis da primeira etapa.

Para além da afluência da população para assistir ao espectáculo pirotécnico integrado no Festival do Atlântico, área urbana da cidade ganhou uma animação diferente com as equipas num rodopio para lá e para cá, seguindo mapas e pistas e tentando localizar monumentos, becos ou travessas que muita gente passa, mas não sabe o nome, como o Beco do Madureira (Junto à igreja de S. Pedro), Beco do Pimenta (próximo da Rampa do Cidrão), Travessa dos Arrieiros (liga as ruas da Queimada de Baixo e de Cima), Beco de S. Sebastião (Praça do Chafariz) entre outros, que até os taxistas tiveram dificuldade para responder.

Na primeira etapa destaque para as prestações da equipa Wings (Xavier Vieira/Emanuel Costa) que conseguiram 21 dos 27 controlos possíveis e eram lideres das equipas masculinas. Na classificação das equipas femininas, a equipa BMF (Paula Rodrigues/Alexandra Sousa) e Axas Cagarras (Isabel Fagundes/Vania Dias) totalizaram 16 controlos e partilhavam o primeiro lugar, enquanto que “Os pikakus” (Cristina Henriques/Augusto Pereira) formavam a melhor das equipas mistas, com 15 controlos efectuados.

No Domingo pela manhã, o Chão da Lagoa foi o palco da aventura e de muitas contas. A organização montou uma prova com 25 postos de controlo, cada um com uma pontuação e desafiou as equipas a fazer o maior número possível de controlos, somando 100 pontos. Aconteceu de tudo, os que se esqueceram da regra de somar 100 pontos e respectivas penalizações, outros que fizeram mal as contas e outros que mudaram de estratégia a meio sem conseguir concluir nenhuma, resultado, muitas penalizações e algumas alterações na classificação.

Um breve intervalo e uma nova etapa com 15 postos de controlo em disputa na zona da Ribeira das Cales. As equipas tinham cinco minutos para observar o mapa e tentar prever as horas de passagem de todos os pontos que iriam passar e a ordem para controlo, tinham que definir a sua prova ao minuto, antes de partir. Os mais experientes nestas lides concluíram com êxito obtendo 14 dos 15 controlos possíveis, mas existiram alguns que calcularam mal a dificuldade do terreno e andaram a controlar fora de hora e de ordem.

A IV Etapa retomava a calma ao pensamento, pois a estratégia era posta de parte e a força para subir uma tirolesa algo inclinada, com cerca de 40 metros, a pontaria para acertar no alvo com o arco e a flecha e a diversão de um slide por entre o pinhal foram as actividades finais que determinaram os melhores do Desafio Funchal 2009.

No final, aguardando os resultados finais, as equipas foram convidadas para um almoço em plena Natureza, com uma última prova que os desafiou a assar uma espetada regional!

Os vencedores nos três escalões foram os seguintes:

- Equipas Masculinas: 1º Wings (Xavier Vieira/Emanuel Costa); 2.º CAMadeira (Sidónio Jesus/Frederico Jesus), 3.º Yankee Zulu (Miguel Gonçalves/Nelson Baroca)

- Equipas Femininas: 1.ª Axas Cagaras (Isabel Fagundes / Vania Dias); 2.ª BMF (Paula Rodrigues/Alexandra Sousa), 3.ª Ladeira & Seabra (Adriana Ladeira/Ana Seabra)

- Equipas Mistas: 1.ª “Os Pikakus” (Cristina Henriques/Augusto Pereira); 2.ª CS2 (Carlos Silva/Susana Silva), 3.ª Equipa Mística (Dinis Ferreira /Susana Graça).