Campeonato Regional de Escalada de Dificuldade

10 Outubro 2009 – Clube Aventura da Madeira - Funchal

Dezanove atletas marcaram presença na segunda prova pontuável para o Ranking do Campeonato Regional de Escalada na modalidade de Dificuldade, que decorreu na tarde do passado Sábado, 10 de Outubro, com organização do Clube Aventura da Madeira.

Utilizando as instalações dos Bombeiros Municipais do Funchal com o apoio da Câmara Municipal do Funchal, este evento reuniu um bom número de participantes e de público, que gerou um excelente ambiente, em virtude de prestações surpreendentes de alguns atletas.

Destaque para os momentos protagonizados pelo infantil Gonçalo Tavares, que com apenas 12 anos e ainda pouca prática na escalada, conseguiu subir os 9 metros da sua primeira via, possuindo esta 2,5 metros em extra-prumo, com 45º de inclinação, demorando 3 minutos e 29 segundos para o conseguir, o que constituiu uma verdadeira prova de resistência e dificuldade e empolgou todos os presentes. Outros momentos de expectativa viveram-se em ambas as finais, masculina e feminina. A iniciada Mariana Garanito (CF Andorinha) a competir na categoria aberta feminina logrou a sua primeira vitória na competição regional, numa final muito disputada com Nádia Meroni (CAMadeira). Apesar de ambas atingirem a mesma presa em altura, somente a uma do topo da parede, Mariana venceu porque consegui fazer uma tentativa de elevação para atingir a última presa. Em terceiro lugar classificou-se Sónia Gomes (CAMadeira).

Na competição masculina, a via final revelou-se muito selectiva, com os três primeiros separados por diferentes níveis da superfície de escalada, não tendo sido necessário recorrer a critérios de desempate. Ricardo Fernandes (CF Andorinha) mostrou ser o melhor a escalar dificuldade no momento, não dando hipóteses aos seus concorrentes. Foi o único que conseguiu atingir o topo da via final, ficando Filipe Santos (CF Andorinha) a cerca de 1,5 metros do topo e Nelson Baroca (CAMadeira) a 3 metros do final da via.

Na escalada de promoção, Gonçalo Tavares (CAMadeira) após a excelente prestação na primeira via, acabou por vencer na final a Marcos Câmara (CAMadeira), numa luta muito apertada, somente por uma linha de presas.

Nesta competição estiveram presentes atletas de quatro clubes regionais, que actualmente dinamizam a escalada desportiva a nível Regional, nomeadamente, o Clube Aventura da Madeira, o Clube de Futebol Andorinha, o Grupo de Campismo de Santo António e a associação Campo Base.