À Descoberta do Montanhismo – 12 e 13 Agosto 2006

 

Um fim-de-semana em cheio! Bom tempo e um programa de desafios superados.

Numa tarde solarenga partimos para um passeio de aquecimento por zonas mais baixas e verdejantes. Cerca de duas horas de marcha e 200 metros de desnível prepararam o grupo para outro percurso mais exigente a nível da agilidade e destreza. Por encostas inclinadas, pequenas escaladas, travessias e rapel foram os atractivos do fim tarde, que terminou com um pôr-do-sol magnífico no Pico do Areeiro.

Fim do espectáculo fomos montar o nosso bivacai numa noite estrelada e com muitos cometas. Jantamos e partimos para uma soneca, o cansaço já fazia efeito.

Pouco passava das 7h00 da manhã, quando o Sol surgiu no horizonte diante de nós. Sinal para despertar, arrumar a tralha e partir para um dia cheio de emoções. Para alguns, mais uma saída para a montanha, para outros, um desafio mais a superar e umas paisagens desconhecidas para contemplar.

 

Marcha, escalada e uma travessia em pequenos patamares levaram-nos a um belíssimo cume, um local privilegiado para observar todo o Maciço Montanhoso Oriental da Ilha da Madeira. Pequeno intervalo para lanchar e um percurso sempre a descer, a pé, com recurso a corda, em rapel, para descer a montanha e regressar. Antes de terminar, uma surpresa, uma visita de umas vespas que ainda agraciaram alguns dos montanheiros, mas nada de grave! Um tónico para a marcha final sempre a subir até ao Pico do Areeiro – Fim da aventura!