IV Estágio de Descoberta do Canyoning

Clube Aventura da Madeira

8,9,15 e 16 de Agosto de 2009

O Clube Aventura da Madeira promoveu uma acção de formação para praticantes em iniciação ao Canyoning, que decorreu em dois fins-de-semana. Quatro dias de intensa actividade na Natureza que serviram para os oito participantes conhecerem as técnicas elementares para progredir em segurança nos Canyons (itinerários para a prática do Canyoning), acompanhando elementos com experiência na actividade.

O Canyoning é uma actividade que explora itinerários no sentido descendente dos cursos de água (Córregos, ribeiras e rios). Rapelar, destrepar, nadar, descer tobogãs, saltos para a água, progredir a pé por blocos rochosos são as principais técnicas utilizadas.

Por se desenrolar em locais inóspitos e existirem riscos associados que não poderão ser desvalorizados, não é uma actividade acessível a todos, e requer, agilidade, condição física adequada aos itinerários a percorrer, conhecimentos e experiências consolidadas para uma prática autónoma.

No primeiro dia do estágio decorreram as sessões teórico-práticas em ambiente controlado. Os participantes aprenderam diversas manobras com corda e técnicas utilizadas na progressão vertical, entre elas a aproximação às amarrações, auto-segurança, início e asseguramento do rappel e comunicação.

O segundo dia de formação permitiu a aplicar as técnicas adquiridas no dia anterior, num Canyon de baixo nível de dificuldade, no concelho do Funchal. As marchas de acesso e saída, algumas cascatas, pequenos tobogãs, progressão em blocos e um salto, foram os desafios do primeiro itinerário efectuado pelo grupo.

O terceiro dia de formação iniciou-se com um teste das manobras básicas de progressão e rapel numa das primeiras cascatas de um Canyon na zona do Paul da Serra.

A última sessão levou os participantes para um Canyon num ambiente peculiar, no interior da floresta, na costa Norte da Ilha, colocando alguns desafios a todo o grupo. Acesso em subida por trilho de montanha, acesso ao Canyon protegido com corrimão e três cascatas que exigiram a aplicação das técnicas testadas nos dias anteriores, colocando à prova as competências adquiridas. No fim, teve lugar um convívio que juntou os participantes, os monitores e auxiliares da actividade, com a certeza que todos aprenderam e contribuíram para o seu conhecimento sobre o Canyoning.